Revista Criança Cidadã - Matérias

Personagem

Edição 22 - Janeiro/Abril 2017

- Frazão

“Fra”, “Sr. Fra” ou simplesmente “Frazão”. É assim que é conhecido o motorista Manoel Frazão, 47, que presta serviços à Orquestra Criança Cidadã Meninos do Ipojuca pela empresa de locação de transportes Querubins. Além dos profissionais que vão e voltam para Camela sob seus cuidados, alunos e familiares do projeto também o acolheram. A personalidade capaz de fazer amizades facilmente já se destacava quando era comerciante. Pelas estradas, começou profissionalmente há cinco anos; na OCC, completou um ano em fevereiro e enxerga a nobreza da sua função. “A gente se torna uma família, afinal eu levo os professores que justamente irão educar essas crianças e fazer o futuro deles”, diz. Frazão tem passado a admirar cada vez mais a música e também credita isso aos dias na Orquestra. Ouvinte assíduo do programa radiofônico A Hora do Mução, Frazão prova que tem no humor o combustível para guiar sua van nas dezenas de curvas da PE-60, no dia a dia do trajeto Coque-Camela-Coque. Sobre a alegria de sempre, Frazão explica: “Sempre fui assim, é de mim mesmo. Sou brincalhão e me emociono muito fácil também”. Não à toa já contabiliza vários amigos em Camela, sem contar os dedos de prosa que dedica aos ambulantes entre um semáforo e outro. Fora do volante, Frazão se considera um homem bastante dedicado à família. “É uma experiência inovadora, pois lidar com criança e adolescente é muito legal. Mesmo como motorista, estou também para cuidar e dar conselhos”, finaliza. (TF)

Confira outras edições