Revista Criança Cidadã - Matérias

OCC em notas (parte 3)

Edição 22 - Janeiro/Abril 2017

- Cantata Natalina marca aniversário da OCC no distrito de Camela, em Ipojuca

Os músicos da Orquestra Criança Cidadã Meninos do Ipojuca se apresentaram em cantata natalina, no dia 20 de dezembro de 2016. A Quadra Poliesportiva José Salgueiro de Amorim, no distrito de Camela, sediou o espetáculo que integrou o especial “Ipojuca – Natal de Voz e Música – Ano III”. A ocasião também serviu para celebrar o aniversário do núcleo da OCC presente há dois anos na localidade. O público prestigiou em massa o concerto, que contou com a presença do secretário de Juventude e Esportes do Ipojuca, Miqueias Silva. Sob a regência da professora de violino Manoela Dias, um grupo representativo da Orquestra iniciou o espetáculo com três obras, entre elas, El cóndorpasa, de Daniel Robles. O maestro Márcio Pereira deu continuidade à apresentação, com destaque para a atuação do coral e a execução de um repertório que misturou composições populares e clássicas. Em dezembro, o especial de Natal percorreu outras localidades do município de Ipojuca, como Serrambi, Porto de Galinhas, Ipojuca Centro e Nossa Senhora do Ó.

- OCC Ipojuca no Cemep e na cidade de Timbaúba

Um grupo de músicos do Núcleo do Ipojuca representou a Orquestra na solenidade de formatura dos alunos do Centro Municipal de Ensino Profissional (Cemep), em 9 de dezembro. O repertório executado sob o comando do maestro Márcio Pereira foi predominantemente regional, com o destaque para Asa branca e Xote das meninas, conhecidas na voz de Luiz Gonzaga. No dia seguinte, integrantes da OCC se apresentaram na solenidade de premiação dos melhores alunos, escolas e profissionais da educação pública de Timbaúba, na Zona da Mata Norte de PE.

- Semana de avaliações no Núcleo do Ipojuca

Pela primeira vez, todos os 100 alunos da OCC do Ipojuca passaram por uma avaliação de desempenho no retorno do ano letivo. Entre os dias 13 e 18 de fevereiro, uma banca formada pelo maestro Márcio Pereira e pelos professores de instrumentos testou os alunos com a finalidade de analisar o aprendizado obtido durante as férias, enquanto estudavam em casa. Na prova, cada aluno executou uma composição de sua escolha, além de uma obra escolhida pela banca. A partir do resultado, os jovens músicos foram distribuídos nas Orquestras A e B do núcleo.

- Novo aluno de Ipojuca aprovado no PGM Musical

Em 2016, o contrabaixista MarvsonArouxa era aprovado no Programa Ganhe o Mundo Musical. O intercâmbio para o Canadá mudou a vida do músico e agora será vivenciado pelo colega de naipe Alexandre Vinícius dos Santos, de 15 anos. A Secretaria Estadual de Educação divulgou o resultado final da edição 2017 do programa no último dia 18 de abril e o embarque acontecerá no segundo semestre. Além de Vinícius, inscreveram-se Ana Cláudia, Jhorsily Lima (contrabaixos) e Maria Alessandra (violoncelo). O processo foi dividido nas seguintes etapas: avaliação de desempenho escolar, prática instrumental (vídeo) e provas teórica e prática no Conservatório Pernambucano de Música (CPM). Na última fase, Vinícius e Alessandra fizeram os testes e foram acompanhados pelos professores Naftali Sabino e Claudenisio Mendes. Após a aprovação do aluno, Claudenisio comentou sobre a seleção: “Eles estudam demais, então não houve uma preparação especial para o Ganhe o Mundo Musical, pois na Orquestra Criança Cidadã estão sempre preparados, com provas e audições”. Ainda em êxtase, Vinícius, que viajou com a OCC para Roma em 2015, resumiu: “Meu sonho foi realizado, estou sem palavras. Sobre o processo, achei fácil porque estudei muito. Para mim, o mais difícil foi controlar o nervosismo. Aprendi que a melhor forma de passar o seu nervosismo é você aceitá-lo”.

- Homenagem às mulheres com debate e teatro

O mês das mulheres foi lembrado com uma programação especial feita pelo Núcleo do Ipojuca no dia 15 de março. As atividades foram guiadas pela equipe da Secretaria Especial da Mulher do município e envolveram alunos, profissionais e mulheres do distrito de Camela, que debateram os problemas enfrentados pelas pessoas do sexo feminino ainda no século 21. O espetáculo Uma prosa com arte e sabedoria, apresentado pelos alunos, levantou temas delicados, como machismo e violência contra a mulher, por meio de uma abordagem lúdica.

Confira outras edições