NOTÍCIAS

18/agosto/2018

Alunos da ABCC conhecem Fundação Joaquim Nabuco

Numa visita guiada, as crianças puderam ver a exposição “Raça, classe e distribuição de corpos”

Houldine Nascimento
Um grupo formado por 12 alunos da Associação Beneficente Criança Cidadã (ABCC) conheceu a Fundação Joaquim Nabuco (Fundaj) - Campus Casa Forte, na tarde dessa sexta-feira (17). Na visita guiada, as crianças viram a exposição “Raça, classe e distribuição de corpos”. O acervo trouxe pinturas que retratam a escravidão no Brasil, filmes, além de fotos sobre temas como racismo e desigualdade social.

Os alunos também participaram da leitura coletiva de um cordel sobre Dandara dos Palmares, uma guerreira negra que lutou contra a escravidão durante o período colonial. No fim, os alunos do projeto passearam pela exposição “Um real”, que mostra as diversas formas de trabalho informal.

Para José Cabral Jr., 13, a visita ajudou a ampliar o conhecimento sobre temas significativos. “A gente aprendeu mais sobre a escravidão, o que foi realmente e como era executada pelos brancos e outras coisas, como trabalho informal. Muitas pessoas não sabem o que é isso. Falam sobre racismo, mas sem conhecer”, avalia.

HISTÓRIA – A Fundaj foi criada em 1949 pelo sociólogo Gilberto Freyre com a finalidade de preservar o legado histórico-cultural do abolicionista pernambucano Joaquim Nabuco, com ênfase nas regiões Norte e Nordeste do Brasil.

Veja mais notícias

Nossos Projetos

Parceiros

AiesecDefensoria Pública de PernambucoCaixa Econômica FederalSesiUniversidade Federal Rural de PernambucoInstituto Marista de SolidariedadeUniversidade Federal de PernambucoGoverno FederalTribunal de Justiça de PernambucoUninassau

SIGA-NOS

NEWSLETTER