NOTÍCIAS

28/março/2018

Festa de Páscoa reúne alunos da ABCC e da Orquestra Criança Cidadã

Mais de 100 crianças dos dois projetos sociais foram presenteadas com ovos de chocolate

Houldine Nascimento
O sentimento de fraternidade prevaleceu na festa de Páscoa da Associação Beneficente Criança Cidadã, realizada na manhã dessa terça-feira (27), na sede da instituição, no Cordeiro. Mais de 100 crianças da ABCC Sede e da Orquestra Criança Cidadã (OCC) receberam ovos de chocolate doados pela Associação dos Cônjuges de Magistrados do Estado de Pernambuco (Acmepe).

Os alunos dos dois projetos sociais geridos pela ABCC brincaram e dançaram, animados pela coelhinha Lilica. Durante a celebração, o padre Moacir Carreiro falou às crianças e demais presentes sobre a importância da data, além de rezar com todos que compareceram. O juiz de Direito e coordenador geral da OCC, João Targino, também discursou sobre o significado da Páscoa. “Vivemos um momento de Páscoa, que nos impõe reflexão. É um momento que marca o sacrifício de Jesus Cristo quando nos deu a vida para nos salvar”, declarou.

O presidente do TJPE, Adalberto de Oliveira Melo, também compareceu à solenidade e proferiu algumas palavras de incentivo aos alunos da ABCC e OCC: “A vida é difícil para todos, mas vocês estão aqui aprendendo, estudando, praticando para abrir as portas do mundo e que vocês tenham sucesso e uma vida melhor."

Um quinteto de cordas da OCC se apresentou um medley de cantigas brasileiras. A cerimônia também contou com a presença do fundador e presidente da Comunidade Católica Obra de Maria, Gilberto Barbosa, e da presidente da Acmepe, a advogada Júlia Mota. Todos eles foram recepcionados pela presidente da ABCC, Myrna Targino, que também é vice-presidente da Acmepe. Este é o primeiro ano que a arquiteta participa da festa da Páscoa como presidente da ABCC. No final, a satisfação pelo êxito da cerimônia. “A minha felicidade é ver essas crianças felizes. Tive a oportunidade da trazer a Acmepe por ser vice-presidente, de também estreitar as relações, e que bom que deu tudo certo”, comenta Myrna.

Veja mais notícias