NOTÍCIAS

06/fevereiro/2015

Organização internacional leva ações socioculturais ao Espaço Criança Cidadã

Aiesec beneficiou mais de 80 pequenos do projeto da ABCC

Por Devanyse Mendes
As férias dos alunos do Espaço Cultural e Esportivo Criança Cidadã, programa da Associação Beneficente Criança Cidadã (ABCC), tiveram uma programação especial, composta por atividades esportivas e de conscientização sobre cultura, direitos humanos e sustentabilidade. Durante o mês de janeiro, cerca de 80 crianças participaram de três projetos socioculturais, ministrados por voluntários da Associação Internacional dos Estudantes de Ciências Econômicas e Comerciais (Aiesec).

Este é o segundo ano consecutivo em que a ABCC está na rota de atividades da organização internacional. Com uma equipe de nove universitários, residentes no Peru, Paraguai e Argentina, a Aiesec trouxe, aos alunos do Espaço, os projetos “Gira mundo”, “Gaia” e “Driblando”.

O “Gira Mundo” é uma ação social que tem como objetivo atrair estudantes estrangeiros de diferentes partes do mundo para ministrar oficinas sobre diversos temas para crianças, jovens e adultos nas ONGs do Brasil. A segunda ação, denominada “Gaia”, tem foco na sustentabilidade. Através da educação ambiental, crianças desenvolvem, em equipe, estratégias para conservação e proteção do meio ambiente. Já o “Driblando” aproveita a cultura do futebol brasileiro para trabalhar temas como ética, liderança e cidadania.

O estudante de economia Moisés Pedrozo veio do Paraguai e ficou encantado com a alegria dos meninos do Espaço. “Tanto para as crianças quanto para os intercambistas, há uma troca intercultural muito rica. Eles são bem receptivos, curiosos e sempre estão com um sorriso no rosto”, disse Pedrozo.

Constanza Sotomayor é da Argentina, estuda comunicação e ministra oficinas do projeto “Gira Mundo”. Durante as aulas, ela deu dicas de como cuidar do meio ambiente, ter consciência ecológica, além de debater sobre diversidade cultural. “Para mim, está sendo uma experiência intensa. Não falava nada em português, aprendi com os alunos. Também fiquei impressionada com o carinho e a atenção das pessoas do Recife. No meu país, é bem diferente”, comentou a universitária.

Os beneficiários do Espaço Criança Cidadã aproveitaram muito a oportunidade de participar dos projetos da Aiesec. O aluno Lucas Rufino, de 11 anos, não faltou nenhum dia e realizou todas as atividades propostas. “Eu fiz cartazes com colagem de figuras sobre o meio ambiente, também aprendi sobre as bandeiras dos países, danças e outras culturas. Foi tudo muito bom”, completou o menino.

Veja mais notícias